Dedetizadora: Dedetização de Aranhas

As aranhas são animais artrópodes pertencentes à classe dos aracnídeos. Existem aproximadamente 40.000 espécies de aranhas no mundo o que a torna a segunda maior ordem dos aracnídeos. São dividas em mais de 100 famílias, sendo cerca de 30 delas são consideradas perigosas para o homem.

As aranhas não são insetos, e se distinguem destes pelas seguintes características:

Têm quatro pares de pernas;

Não possuem asas ou antenas;

Seu corpo divide-se em duas partes (cefalotórax e abdômen).

Elas produzem teias que são 5 vezes mais fortes do que o aço no mesmo diâmetro, podendo ainda se esticar 4 vezes mais que seu comprimento inicial. Muito importantes no ecossistema, as aranhas são predadoras capazes de regular a população de outros artrópodes.

As aranhas entram nas residências acidentalmente, dentro das residências elas se escondem dentro de caixas, roupas ou móveis. Nem todas as aranhas constroem teias e as que as fazem utilizam deste artifício para caçar insetos. Muitas espécies de aranhas são inofensivas ao homem, porém, acidentes graves podem ocorrer com algumas espécies, tais como a aranha marrom (Loxosceles), a aranha de jardim ou tarântula (Lycosa), a viúva-negra (Latrodectus) e a aranha armadeira (Pho).

Aranha Marrom (Loxosceles)

De hábitos noturnos, a aranha marrom tende a manter-se escondida durante o dia, geralmente sob-cascas de árvores, folhas secas, atrás de quadros, cantos de parede e etc. É uma espécie pouco agressiva, mas como pode também esconde-se em roupas, pica quando a pessoa se veste. Seu tamanho é pequeno, cerca de 1 cm de comprimento, passando muitas vezes despercebidas. No ato da picada quase não se sente dor, que vai se intensificando com o passar das horas dentre as primeiras 12 a 36 horas.

O local atingido apresenta dor, inchaço, áreas avermelhadas e hemorrágicas, mescladas com áreas de isquemia, podendo ainda apresentar bolhas e sinais de necrose. A vítima então apresenta mal-estar, náuseas e febre. Em alguns casos pode evoluir nas primeiras 24 horas com hemólise intravascular e insuficiência renal, de extrema gravidade. Acidentes com crianças podem ser fatais. Nos casos graves a urina fica com cor de coca-cola.

Caso ocorra picada por esta espécie de aranha, a vítima deve procurar um hospital imediatamente para aplicação de soro antiaracnídico e se possível coletar a aranha para identificação. No Brasil são encontradas dentro de residências de várias cidades. A aranha marrom constrói uma teia irregular.

Aranha Armadeira (Phoneutria)

São as chamadas aranhas armadeiras, pois quando se sentem ameaçadas, tomam a postura de se “armar”, levantando as patas dianteiras e eriçando os espinhos.São aranhas extremamente agressivas que medem cerca de 3,5cm de comprimento com pernas que podem medir até 5 cm. Sua atividade é maior ao entardecer e à noite. Esta espécie não tece teia e é comumente encontrada em árvores, principalmente bananeiras e folhagens.

Sua picada resulta em dor violenta no local que se irradia pela região atingida. A vítima apresenta tonturas, queda de pressão, vômito, sua muito e pode ter espasmos. Caso ocorra picada por esta espécie de aranha, a vítima deve procurar um hospital para aplicação de soro antiaracnídico e aplicação de anestésico ao redor da picada. Se possível coletar a aranha para identificação.

Aranha de Jardim ou Tarântula (Lycosa)

Facilmente encontradas em gramados de jardins, as tarântulas são pouco agressivas e possuem hábitos diurnos. Esta espécie de aranha não faz teia, sua picada é dolorida, mas, normalmente, não evolui para casos mais graves. Na dúvida procure um posto médico e se possível colete a aranha para identificação.

Viúva-Negra (Latrodectus)

Uma das aranhas mais comentadas do mundo, seu nome provém do fato de a fêmea geralmente se alimentar do macho após a cópula. A fêmea possui coloração negra brilhante, com larga mancha vermelha em forma de ampulheta na superfície ventral do abdômen, e cerca de 1cm de comprimento. Sedentárias, constroem teias irregulares entrelaçadas com folhas secas. Pode-se encontrar uma pequena quantidade de viúvas-negras com teias próximas umas das outras. No entanto, cada uma possui sua própria teia.

Os sintomas da picada costumam surgir dentre 40 e 60 minutos após e ataque ocasionando dor muito aguda que se irradia por todo o membro ou local atingido. A vítima apresenta sudorese, tremores, contrações, rigidez abdominal, delírio, alucinações, entre outros sintomas. A pessoa picada deve ser levada imediatamente para o hospital para soroterapia. Se possível coletar a aranha para identificação.

Dedetização de Aranhas
 
 
Peça agora um orçamento
Palavras Mais Buscadas: Dedetização na Grande São Paulo | Desentupidora na Zona Leste | Desentupidora na Zona Norte | Desentupidora na Zona Oeste | Desentupidora na Zona Sul | Desentupidora SP | Desentupimento na Grande São Paulo